!!! DESTAQUE DE LA SEMANA !!!

destaque

EN SAN PABLO ... PM JUNTO A BOLIVIA CULTURAL ...EN LA CAMPAÑA DE SEGURIDAD PREVENTIVA

PM lança junto ao Bolívia Cultural campanha de segurança preventiva
Por: Gi Teodoro - São Paulo - 27/01/2014 21:38:35

A corporação policial mantém sua aproximação com a comunidade boliviana! Em reunião com o veículo Bolívia Cultural a importância das medidas preventivas e conhecimento de segurança, junto aos direitos de cada um sobre o tema foram debatidos. Agora, a parceria trará dicas cotidianas para segurança pessoal, financeira, residencial e muito mais. Acompanhe.

 
Segurança é um direito dentro das fronteiras brasileiras que todos têm. Como ressalta em entrevista a equipe do portal, o Coronel Reis: no caso dos imigrantes a documentação desatualizada ou os indocumentados também tem acesso à seguridade. “Ninguém pode ser privado disso e as pessoas devem aprender a usar seu direito, garantido na constituição junto a saúde e educação. É um direito universal”.

Indo além da onda de crimes, um apontamento importante é que segurança envolve diversos fatores, podemos tratar de segurança patrimonial, bens roubados, segurança financeira ou risco corporal de violência. Agressão moral ou psicológica também pedem recorrência policial. 

Para saber o que fazer em cada caso e como aumentar sua segurança no dia a dia é que o guia será entregue em diversos pontos de distribuição, de forma gratuita, como serviço informativo. A confecção, impressão e entrega do conteúdo faz parte da parceria entre a Polícia Militar de São Paulo e o Bolívia Cultural & Planeta América Latina, incluindo ‘Guia de Segurança’, mídias digitais e outros produtos.

A realização ocorre com o apoio de instituições e empresas privadas, que investem na mobilização populacional por segurança.

A aproximação da PM e a comunidade imigrante – histórico de sucesso

O diálogo com a corporação policial vem acontecendo já há algum tempo. Em material acompanhado pelo Bolívia Cultural, datado de 15 de janeiro de 2011, mostra que o entrosamento já envolvia entidades como a Polícia Civil, Polícia Militar e o Consulado Geral da Bolívia em São Paulo, com um objetivo que só se refina desde então: baixar a onda de crimes na cidade e aproximar as autoridades do diferencial da comunidade boliviana e demais imigrantes em suas demandas por segurança.

Durante encontro de formação de oficiais, imigrantes foram a frente e falaram de sua realidade na cidade. Lá estiveram presentes cerca de 90 capitães, o faz o comandante da PM, Glauco Carvalho – Doutor em Ciência Política pela FFLCH-USP e Coronel da Polícia Militar do Estado de São Paulo destacar a relevância do encontro, afinal se cada capitão comanda cerca de 150 PMs, totalizando de 3 a 4 mil Policiais Militares em SP, que por meio de seus lideres  tomaram contato com os problemas que comunidades como a boliviana tem como demanda.

Nas palavras do Cel. Glauco Carvalho: “Para nos é motivo de orgulho, de satisfação, termos o Bolívia Cultural como parceiro. Principalmente por se tratar de uma entidade importante, com representatividade perante a comunidade boliviana, de tal forma que nos possamos estreitar as relações. Nós possamos definir interesses comuns e possamos de alguma maneira superar obstáculos, óbices, preconceitos que por ventura existam. Para nós da polícia militar é importante ter integrantes da comunidade boliviana de tal maneira que tragam o seu recado, tragam as suas demandas para os oficiais da policia militar, para os integrantes da policia militar de tal maneira que nos tenhamos condições de prestar um melhor serviço publico para a comunidade boliviana”.
Fonte: 
Bolívia Cultural

0 comentários: